18 de dez de 2015

O que melhorou na minha vida quando me converti #2


Não darei uma looonga introdução, pois já expliquei direitinho aqui. Mas, dando continuidade à esta postagem, pontuarei mais três coisas que mudaram minha vida após a minha conversão.

Medo

Antes de me converter, eu vivia com medo. Não algo único que tirava minha noite de sono, ou um medo à longo prazo. Só que eu tinha consciência de que coisas ruins acontecem o tempo todo, com todo tipo de gente, e eu meio que entrava nessa classe. Sabia que quando eu saísse de casa, algo poderia acontecer comigo e me impedisse de voltar. O mundo me dava medo e eu vivia desta forma. Não que o fato em si tenha mudado: eu continuo suscetível à catástrofes, acidentes, etc. A diferença é que agora além de eu ter plena consciência de que há um Deus Todo-Poderoso que me ama e à todo momento cuida de mim, eu O sinto do meu lado em qualquer lugar onde vou. Sei que Ele me cuida e protege, então o medo já não toma conta do meu coração. E se algo ruim acontecer, ainda assim não tenho medo pois "Todas as coisas contribuem para o bem daqueles que amam à Cristo" (Romanos 8:28).

Expectativas de Vida

Eu tinha um plano traçado para o meu futuro. Queria me formar no Ensino Médio, sair de casa, morar longe da maior parte dos meus familiares de propósito, sim, lamentável, começar a faculdade, encontrar um emprego, morar sozinha, me formar, conhecer alguém legal, casar, trabalhar na minha área, etc etc etc. O plano ideal para qualquer garota que pense como eu, que queira o que eu queria. Este era um bom plano, mas era muito egoísta e vazio. Eu estava pensando unicamente em mim e naquilo que me faria feliz. Levaria uma vida ideal mas, ao final, poderia me arrepender de não ter feito mais pelo próximo e menos por mim mesma. Isto mudou; Certas coisas permanecem intactas, outras não (falo mais disto de um vídeo que lanço logo logo), mas o objetivo da minha vida e existência mudou completamente. Já não penso só em mim, mas penso no próximo, nas pessoas que eu amo. E acreditem se quiser: estou mais plena, confiante e alegre com este novo plano.

Prioridades

Tocando no mesmo assunto de antes, mas no tempo presente, minhas prioridades mudaram muito. Eu me preocupava muito com o ideal de vida na minha idade. Seria com notas maravilhosas, um namorado, um corpo escultural, certa faminha, amigos em grande quantidade... Ou estar presente em todas as festas, ser a legal da turma, etc. As prioridades na minha vida não eram exatamente aquilo que eu queria fazer ou ser, mas o que eu sabia que as pessoas achariam muito demais se eu fizesse ou fosse. Viver desta forma me deixava vazia... Graças à Deus isto mudou. Por causa dos meus objetivos que são em grande parte espirituais e em prol do meu relacionamento com Deus, tudo o que eu tenho feito serve para edificar minha vida. São coisas que me adicionam, não que me diminuem. Me trazem conhecimento, me completam, me transbordam.

Como eu havia dito, esta é uma longa postagem. Logo mais volto trazendo outros três tópicos deste meu testemunho e eu espero de verdade que as coisas que eu aqui escrevo, sirvam para trazer esperança para o seu coração. Fique com Deus, graça e paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário